fechar busca

O Jewish Museum Berlin está localizado na Lindenstrasse, em Berlim. Ele se trata de um museu construído próximo a uma antiga construção de 1735, o Kollegienhaus, onde ficava a Prussian Court of Justice e que nos anos 60 foi transformada em um museu da capital.

O projeto de Daniel Libeskind foi erguido um ano antes da queda do muro de Berlim e contou com três conceitos principais. O primeiro deles era o de fazer com que todos entendessem a importância intelectual, cultural e econômica, que os judeus tiveram para o crescimento da cidade, segundo era incorporar física e espiritualmente o significado do holocausto à memória da cidade e; terceiro, mostrar o quão importante é introduzir estes itens ao conhecimento da sociedade, para que assim a história da cidade e da Europa possa ter um futuro mais humano.

A construção possui cerca de 15.000 m². O prédio é dividido em quatro pavimentos e sua estrutura é feita de concreto reforçado, enquanto a fachada possui revestimento em zinco, além do uso de outros materiais, como vidro e aço.

A entrada é dada pelo antigo museu e, a partir daí, o visitante pode se direcionar a três caminhos diferentes, Stair of Continuity, Garden of Exile and Emigration, que possui quarenta e nove pilares de concreto com plantas no topo de cada um deles e, por fim, o Holocaust Void.

O museu passou por algumas reformas uma em 2004, projeto de SDL, e outra em 2007.

Uso

expo

Cidade

Berlim

Arquiteto

Daniel Libeskind

Fotógrafo