fechar busca

As formas esculturais, brancas, foram a solução de Guy Greenfield para uma clínica médica situada em um antigo estacionamento, no meio de um barulhento cruzamento, o Hammersmith Bridge Road Surgery.

O edifício fecha-se em si, isolando-se do ruído e poluição dos arredores através de poderosas paredes brancas, curvadas em duas dimensões que se estendem além do corpo do edifício em comprimento e altura. As janelas surgem nos rasgos entre as paredes brancas direcionando a vista para o jardim e bloqueando a interação com os pedestres e qualquer movimentação exterior, física ou sonora.

Na parte superior combinam aberturas zenitaise laterais, surpreendendo com os detalhamento e materiais, que segundo autor, foi buscar referência no início de Corbusier, particularmente a Ville la Roche.

Prêmios:

Riba Londres (2001)

Uso

saúde

Cidade

Londres

Arquiteto

Guy Greenfield

Fotógrafo